POLÍCIA CIVIL REALIZA OPERAÇÃO E TRAZ DE VOLTA LATROCIDAS PRESOS NO PARÁ

ASCOM PC/MA

A Polícia Civil do Maranhão, por meio do DHPP de Imperatriz, realizou, na manhã desta quinta-feira (3), Operação conjunta com a Polícia Militar o Centro Tático Aéreo – CTA/ITZ, e trouxe de volta os dois acusados pela morte do Policial Militar Wanderson Monteiro dos Santos Silva, assassinado dia 23 de setembro, durante o assalto a uma loja de celulares, na cidade de Imperatriz/MA.

Os dois, um menor P.V.S.F. e Emerson Santos de Sousa, este é maior e já condenado por assalto a mão armada, foram identificados logo após o crime, dia 23 de setembro e presos, dia 1º de Outubro na cidade de Marabá/PA. A Polícia Civil descobriu que os dois estariam em um veículo, uma Van de passageiros, a cerca de 50 minutos de Marabá, entrou em contato com a Polícia Civil e Militar daquela cidade que, prontamente, atenderam ao pedido da Polícia Civil do Maranhão, montaram barreira e conseguiram efetuar a prisão.

No momento da prisão o adolescente se encontrava de posse da arma de fogo que pertencia ao policial militar Wanderson Monteiro, assassinado por eles, uma pistola calibre .40, marca Imbel e mais três aparelhos de celulares, um deles, subtraído da loja onde o crime foi cometido.

Quanto às prisões, Emerson Santos de Sousa, já tinha contra si um mandado de prisão por assalto a mão armada que foi cumprido imediatamente e em relação ao menor de idade, ele foi autuado pela Polícia Civil do Pará, pelo Ato Infracional análogo ao Porte Ilegal de Arma de Fogo e, no dia seguinte, antes de ser liberado pelo Ministério Público, a Vara da Infância e Juventude da cidade de Imperatriz decretou a internação provisória a que foi dado cumprimento.

Depois de todos os procedimentos, o Departamento de Homicídio e Proteção à pessoa(DHPP) de imperatriz preparou a operação para ir buscar a dupla de volta à cidade de Imperatriz, para isso, contou com a ajuda do CTA que é um parceiro e sempre colabora com a Polícia Civil