Policia Civil realiza Curso de Nivelamento Policial em Santa Inês

Por Mauro Wagner / Ascom -SSP

Dando ênfase no aprimoramento continuado aos policiais civis, a Polícia Civil do Maranhão iniciou na manhã desta terça-feira (6), por volta das 9hs, o Curso de Nivelamento Policial em Armamento, Tiro e Explosivos – Módulo Interior, na regional de Santa Inês. O curso já em andamento, está sendo realizado com a participação de 23 policiais civis, onde incide no nivelamento dos conhecimentos, de forma à garantir o pronto-emprego da Polícia Civil em ações que exijam resposta tática-operacional.

O curso obedece ao Plano de Ação 2017, segundo as diretrizes da Polícia Civil, incidindo em ações por meio da Academia de Polícia Civil do Maranhão (ACADEPOL).  Até o final do ano de 2017, é meta para a Policia Civil do Maranhão, capacitar todos os policiais civis, lotados nas 17 Delegacias Regionais, localizadas nos municípios maranhenses. O Curso já fora realizado com aproveitamento na regional de Viana/MA e dá prosseguimento para as outras regionais da Polícia civil.

Ações que exijam resposta tática-operacional

O Plano de Ação 2017 visa o nivelamento dos conhecimentos em armamento, tiro e explosivos; de forma a garantir o pronto-emprego da Polícia Civil, em ações que exijam resposta tática-operacional com treinamento específico, notadamente no combate a grupos e organizações criminosas de roubos às instituições financeiras.

Acerca do quantitativo dos policiais inseridos no curso, o diretor da Academia de Polícia Civil do Maranhão, (ACADEPOL), o Delegado Aurélio Queiroz Filho salientou, que “Cerca de 23 policiais civis da 7ª DRPC de Santa Inês/MA, estão participando do curso de nivelamento. O curso ora ministrado por Instrutores da ACADEPOL, lotados no Grupo de Resposta Tática (GRT), da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC), está sendo realizado nas dependências do Quartel do 7º Batalhão de Polícia Militar, em Pindaré/MA, cedido pelo Comando do 7º BPM, os quais obtiveram 05 vagas no Curso para PM’s do 7º BPM, fortalecendo a integração real, entre as Instituições da Polícia Civil e a Polícia Militar da região”, finalizou.

O Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela relatou, que “As ações envolvendo os ataques às instituições financeiras estão sendo respondidas pelo pronto enfrentamento, por meio da equipes especializadas das forças de segurança do Estado. Tanto a SEIC como o COSAR estão realizando um bom trabalho contra as quadrilhas envolvidas com este tipo de ações criminosas. O Curso de Nivelamento Policial serve para capacitar os policiais lotados nas regionais, objetivando em treinar os policiais com o uso de armas longas e específicas para uma resposta tática-operacional, com treinamento específico contra as quadrilhas de criminosos”, esclareceu o secretário.

As ações de nivelamento contam com a iniciativa da Delegacia Geral, por conta do Delegado Geral, Lawrence Melo, que destacou “Trata-se de um projeto inovador no âmbito da gestão da Policia Civil, que consiste na interiorização dos cursos oferecidos e executados, em consonância com o que rege os ditames da Academia de Policia Civil. Trata-se na verdade de uma valorização do servidor policial civil, a partir da sua capacitação e da oferta continuada de cursos que permitirão a formação continuada d policial. Capacitá-lo significa muni-lo de todas as informações e técnicas necessárias à otimizar o serviço público de polícia judiciária”, afirmou. O delegado geral adiantou ainda, que o curso consiste em um nivelamento de todos os policiais civis. Durante esta capacitação, os policiais receberão treinamento para a utilização de armas longas e curtas e ainda noções básicas para a utilização de explosivos. Os nossos policiais precisam estar preparados tecnicamente e também, munidos com o armamento compatível utilizado pelos criminosos”, afirmou o Delegado Geral.