Polícia Cívil prende quadrilha especializada em estelionato

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Defraudações, apresentou na tarde de sexta-feira (25), integrantes de uma quadrilha especializada em aplicar golpes na capital maranhense. A apresentação foi realizada na Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC), bairro Outeiro da Cruz, em São Luís, com a presença dos titulares da SPCC e da Delegacia de Defraudações, delegado Armando Pacheco e delegado Raimundo Batalha, respectivamente.

Na ação policial, em uma rede de loja de material de construção, localizada na Cohama, foram presos Antônio Eduardo Pereira Firmino, de 27 anos; Gilvan Alves Lima, 29 anos; e Francisco Joanildo Mota Rodrigues, de 26 anos. Todos eles são do estado do Ceará. Em poder do trio, foram encontrados três celulares, 36 cartões bancários, duas chaves de cartões de segurança e um comprovante de compra, efetuado na manhã de sexta-feira, no valor de R$ 2.317.

O delegado Raimundo Batalha explicou que eles ficavam observando as vítimas nos estabelecimentos comerciais. O delegado informou que cinco vítimas dessa quadrilha já foram identificadas, sendo uma delas um idoso que teve o montante de R$ 19 mil subtraído.

“Eles ficavam transitando pelos salões dos estabelecimentos comerciais e quando avistavam uma vítima em potencial se aproximavam como se fossem clientes. Quando a vítima davas as costas, um dos integrantes da quadrilha entregava um papel dizendo que o mesmo tinha saído do terminal. Na ocasião, eles se ofereciam para ajudar as vítimas, que não percebiam a troca dos cartões. De posse dos cartões, eles realizavam várias operações de compras, transferências e empréstimos”, explicou o delegado.

Antônio Eduardo Pereira Firmino; Gilvan Alves Lima e Francisco Joanildo Mota Rodrigues, foram autuados pelos crimes de estelionato e organização criminosa. Eles foram encaminhados para o Centro de Triagem de Pedrinhas.

Por: Clara Fonseca/ASCOM-SSPMA