Polícia Civil de Cururupu apresenta homicida à SSP

A Polícia Civil da cidade de Cururupu apresentou no início da noite de segunda-feira, (10), à Superintendência de Polícia Civil do Interior, (SPCI), da Secretaria de Segurança Pública (SSP), Edivaldo Silva, 46 anos, suspeito de matar Valdemilson Borges, na cidade de Bacuri, município distante aproximadamente 500 km da capital maranhense.

De acordo com informações policiais, Edivaldo Silva trabalhava em uma área de roçado no povoado de Estivinha, zona rural do município de Serrano. Segundo o superintendente do Interior, delegado Jair Lima, o suspeito teria uma rixa com Valdemilson desde 2007, por conta de uma invasão de gado deste na propriedade do pai de Edivaldo.

Na ocasião, os animais teriam destruído o roçado sem nenhum ressarcimento por conta do prejuízo resultando em um conflito entre ambas as partes.   Em conseqüência desse desentendimento, no ano de 2008, a vítima encontrava-se em uma estrada vicinal que dá acesso ao povoado de Estivinha, quando encontrou o suspeito, que teria desferido vários golpes de facão em Valdemilson Borges.

Ainda de acordo com o superintendente, no último dia 2 de outubro, Edvaldo Silva encontrou a vítima novamente em uma via pública, na zona urbana do município de Bacuri.

Os dois teriam travado uma luta corporal e Valdemilson foi morto com golpes de faca.Após praticar o crime, Edivaldo Silva imediatamente evadiu-se do local em uma motocicleta. Porém, se apresentou espontaneamente à Delegacia de Cururupu, sendo recambiado para a SPCI, onde submeteu-se aos procedimentos legais e posteriormente encaminhado para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas.